Teologia: o guia completo!

Você sabia que existe um curso superior que se dedica a estudar os fenômenos religiosos, suas doutrinas e contextos históricos? A Teologia oferece essa formação, tanto para aqueles que desejam seguir a vida religiosa ou pertencer a uma congregação quanto para quem já tem um curso da área de humanas (como Antropologia ou Filosofia) e quer complementar sua formação com uma segunda graduação mais voltada a esse viés.

O teólogo, portanto, é o profissional conhecedor dos diferentes segmentos do estudo da religião de modo geral, embora algumas instituições adotem uma formação mais específica, como a cristã.

Independentemente do segmento e da crença, venha saber o que significa Teologia, como funciona esse curso na prática e como você pode se desenvolver nessa profissão tão peculiar!

O que é Teologia?

Para início de conversa, é preciso saber que, apesar do seu caráter religioso, o curso de Teologia segue todas as normas e regras do Instituto de Estudos e Pesquisas Anísio Teixeira (Inep), órgão do Ministério da Educação (MEC) responsável por regulamentar a vida acadêmica dos estudantes no país.

Essa graduação funciona de forma semelhante a qualquer outra no Brasil, ou seja, está sujeita à aprovação no vestibular ou outra forma de processo seletivo, participa do Enade, o Exame Nacional de Desempenho de Estudantes de cursos superiores, e oferece diploma reconhecido para exercício da profissão.

Contudo, afinal, o que significa Teologia?

Teologia: significado

Theos, em grego, significa divindade, verdade, caminho para a verdade divina, e logos quer dizer palavra. Então, em sentido literal, “teologia” remete ao conhecimento, estudo, do discurso da verdade divina.

Porém, por extensão, o sentido foi ampliado e hoje remete a qualquer forma de estudo sobre as crenças religiosas.

Curso: Teologia

Assim, faz sentido que exista um campo de estudos voltado especificamente à forma como as pessoas e as sociedades se relacionam com as expressões religiosas, entre elas a cristã. O curso superior de Teologia forma bacharéis com o diferencial de terem de optar por uma matriz religiosa, já que poderão exercer funções de agente pastoral, responsável por orientar pessoas em diferentes ambientes e situações, podendo atuar na transformação social.

Apesar disso, o rigor acadêmico e a cientificidade não são deixados de lado. Prova disso é que, de acordo com os dados do MEC, estão credenciadas 88 instituições ao todo, com as seguintes denominações religiosas:

  • católicas: 32;
  • protestantes (luterana, presbiteriana, metodista e batista): 19;
  • evangélicas: 8;
  • pentecostais: 6;
  • interconfessionais (em diálogo com outras denominações, como o islamismo, o budismo etc.): 3;
  • adventistas: 2;
  • espírita: 1;
  • umbandista: 1;
  • messiânica: 1.

Independentemente da matriz confessional, as disciplinas oferecidas no curso de Teologia são voltadas à história e à tradição de origem do segmento religioso em questão. Vejamos, mais de perto, como funciona o curso.

Curso de Teologia

O curso de Teologia, como mencionamos, funciona como os demais cursos de humanas, com o diferencial de adotar uma postura confessional. Existe a obrigatoriedade de cursá-lo para quem segue a vida religiosa ou entra no processo de formação confessional, para ser padre, bispo e, quem sabe, papa!

Enfim, o curso de Teologia deve funcionar de acordo com as regras estabelecidas pelo MEC em relação à carga horária — mínima de 2400 horas —, estágio obrigatório e tudo o mais que ocorre em outras áreas.

O objetivo do curso, de modo geral, é formar profissionais teólogos acadêmicos, mas também preparados para atuar em comunidades religiosas e em serviços de capelania (hospitalar, escolar, penitenciária, exército etc.).

Apesar de o Brasil se caracterizar como um estado laico, é importante preparar pessoas para lidar com crises pessoais e sociais, aptas a orientar grupos dentro de determinada crença.

Duração do curso

Há vários cursos livres de Teologia grátis espalhados pelo Brasil. Nessa modalidade, não é emitido um diploma válido, mas um certificado de participação. Esse tipo de curso, que tem duração variável, é interessante para quem não quer se dedicar profissionalmente à área, mas deseja se aprofundar nela para fins pessoais, tem interesse em estudar mais de perto a Bíblia ou, ainda, participar de forma mais ativa na Igreja.

No nosso caso, a graduação ou a formação tecnológica, a duração é um pouco maior: de 2 a 4 anos. A seguir, veja como são distribuídas as disciplinas ao longo desse tempo, de acordo com a carga horária e a grade curricular de cada instituição.

O curso conta, em sua estrutura, com os eixos que serão apresentados a seguir.

Núcleo fundamental

são as disciplinas específicas da Teologia, podendo contemplar os textos de sua fundação e tradição e o estudo das línguas originais. Cursos católicos, por exemplo, costumam oferecem aulas de Língua Hebraica, Língua Latina e Língua Grega, para que os textos fundadores possam ser entendidos em seu contexto real.

Entra nesse núcleo, ainda, o estudo dos documentos oficiais da religião contemplada.

Núcleo interdisciplinar

Constam aqui as disciplinas que estão em diálogo com as teológicas, como: Antropologia, Filosofia, Sociologia, Administração e Línguas (Língua Portuguesa e língua estrangeira moderna — a Italiana é bastante comum, já que é em Roma que se localiza o Estado do Vaticano).

Núcleo formativo teórico-prático

Estão neste núcleo as matérias que complementam a formação do futuro teólogo e o preparam para exercer na prática sua função, seja em ambientes religiosos, seja em outras instâncias, como hospitais, presídios e orfanatos, por exemplo, oferecendo apoio e trabalhando na formação social.

Faculdade de Teologia

No Brasil, há faculdades de Teologia tanto em instituições públicas quanto em privadas, embora estas sejam a grande maioria: pequenas faculdades especializadas nesse tipo de formação.

A seguir, listamos algumas das mais bem avaliadas pelo MEC, com notas 4 e 5:

  • Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia (Faje): polo na sede, em Belo Horizonte (MG);
  • Faculdade EST (EST): Campus São Leopoldo, em São Leopoldo (RS);
  • Faculdade Luterana de Teologia (FLT): campus São Bento do Sul, em São Bento do Sul (SC);
  • Faculdade de Teologia e Ciências Humanas (FATECH): campus Macapá, em Macapá (AP);
  • Faculdade de Ciências, Educação e Teologia do Norte do Brasil (FACETEN): campus Boa Vista, em Boa Vista (RR);
  • Escola Superior de Teologia e Espiritualidade Franciscana (ESTEF): campus porto Alegre, em Porto Alegre (RS);
  • Faculdade de Filosofia e Teologia Paulo VI (FFTP): Mogi das Cruzes, em Mogi das Cruzes (SP);
  • Faculdade de Filosofia, Teologia e Ciências Humanas Gamaliel (Fatefig): Centro, em Tucuruí (PA);
  • Faculdade Metodista de Teologia e Ciências Humanas da Amazônia (FATEO): campus Porto Velho, em Porto Velho (RO);
  • Faculdade de Teologia Umbandista (FTU): em São Paulo (SP);
  • Faculdade de Teologia Integrada (FATIN): sede Santo Antônio, em Igarassu (PE);
  • Faculdade de Teologia Evangélica de Curitiba (FATEV): Pilarzinho, em Curitiba (SC);
  • Instituto de Filosofia e Teologia de Goiás (IFITEG): sede, em Goiânia (GO);
  • Faculdade Claretiana de Teologia: Rebouças, em Curitiba (PR);
  • Faculdade de Teologia de São Paulo da Igreja Presbiteriana Independente do Brasil: Bela Vista, em São Paulo (SP).

Além dessas, as Pontifícias Universidades no sul e no sudeste do Brasil são excelentes opções para a formação em Teologia:

  • PUC Minas;
  • PUC-Rio;
  • PUCRS;
  • PUCPR;
  • PUCSP.

O próprio nome “Pontifícia” significa que a instituição, de matriz católica, está vinculada diretamente ao Vaticano. Por isso, em todas as unidades e cursos, preza-se pela formação humanística e cristã, com disciplinas como Filosofia e Cultura Religiosa.

Outras instituições, porém, encontram-se em processo de extinção. Isso acontece ou por determinação do MEC ou por iniciativa própria, como a Faculdade Teológica Nacional.

Outros cursos que estão em descredenciamento pelo MEC e não recebem novos alunos estão na Faculdade Teológica Evangélica do Rio de Janeiro, na Faculdade da Aldeia de Carapicuíba, na Faculdade Teológica Batista Ana Wollerman, além dos cursos de Teologia do Centro Universitário Ítalo-brasileiro e da Universidade do Piauí.

Técnico em Teologia

O MEC não autoriza nenhum curso técnico em Teologia. O que acontece é que as pessoas podem fazer cursos livres, receberem seu certificado, mas sem valor acadêmico: não vale como diploma de graduação. Ou seja, a modalidade tecnológico, com formação superior em 2 ou 3 anos, como ocorre em outros cursos, não está disponível em Teologia.

Teologia: estágio

Para ampliar a vivência acadêmica do estudante de Teologia, a Lei nº 11.788, de 25 de setembro de 2008, prevê que seja realizado o estágio. É obrigatório que ele cumpra o Estágio Curricular. Isso pode ser feito, geralmente, a partir do segundo ano do curso (4º semestre) e tem duração, por exigência do MEC, de pelo menos 210 horas.

O aluno tem a possibilidade, nesse momento, de relacionar o conteúdo das disciplinas teóricas com a prática pastoral, promovendo um contato mais real com o futuro ambiente de trabalho.

Nessa experiência, o futuro teólogo analisa a realidade, desenvolve senso crítico e coloca seu saber teológico a serviço de atividades práticas, que podem ser realizadas em:

  • espaços eclesiais (paróquias, igrejas, movimentos etc.);
  • espaços não eclesiais (entidades, escolas, hospitais e outras instituições).

biblia teologia

Curso de Teologia a distância

Como falamos acima, existem várias opções de curso de Teologia grátis, inclusive a distância. Tenha cuidado para diferenciar os cursos livres da graduação propriamente dita, que conferem um diploma de ensino superior no final.

No caso da graduação, saiba que é possível encontrar boas instituições que oferecem curso de Teologia online. A seguir, listamos algumas das mais bem avaliadas pelo MEC:

  • Centro Universitário de Araras (UNAR);
  • Faculdade Messiânica;
  • Faculdade teológica Sul-americana (FTSA);
  • Centro Universitário Internacional (UNINTER);
  • Centro Universitário Claretiano (CEUCLAR);
  • Centro Universitário Filadélfia (UNIFIL);
  • Universidade luterana do Brasil (ULBRA);
  • Faculdade de Educação, Ciências e Teologia do Norte do Brasil (FACETEN);
  • Centro Universitário Leonardo da Vinci (UNIASSELVI).

Os cursos de Teologia EAD funcionam na modalidade a distância ou semipresencial. As aulas são gravadas ou ao vivo, mas, na maioria das vezes, o material é disponibilizado para o aluno estudar online, onde e quando quiser.

Ele precisa cumprir os prazos de entrega de trabalhos e, ainda, fazer as provas presenciais nas datas solicitadas pela instituição. Além disso, tem acesso às salas de estudo virtuais, professores e tutores disponíveis para tirar dúvidas na internet e todo o material complementar para sua formação.

É preciso ter disciplina e foco para tirar o diploma no ensino a distância. Vale lembrar, inclusive, que ele tem a mesma validade do diploma emitido em cursos tradicionais presenciais!

Teologia: nota de corte

Como Teologia não é um curso muito procurado pelos estudantes que estão saindo do ensino médio, há uma boa oferta de vagas. Saiba a nota de corte das instituições, ou seja, qual é o valor mínimo que você tem que alcançar, com base em exames anteriores, para entrar no curso.

Prouni

A média para o Prouni (Programa Universidade para Todos) em 2018 foi 548,88 pontos. A maior nota de corte ficou na PUC-Rio, campus Gávea: 671,78 pontos (turno integral). Na outra ponta, com a nota mais baixa, estava a Faculdade Dehoniana, em Taubaté (SP): 467,52 pontos (turno matutino). É bom lembrar que estamos levando em consideração, até aqui, apenas os cursos presenciais.

Veja, agora, outras instituições com as notas de corte Prouni mais altas, incluindo EAD:

  • Universidade Católica Dom Bosco (UCDB), em Campo Grande (MS), curso a distância, campus Campo Grande: 667,8 pontos;
  • Centro Universitário de Maringá (Unicesumar), em Franca (SP), curso a distância, campus Franca: 652,42 pontos;
  • Centro Universitário Claretiano (CEUCLAR), no Rio de Janeiro (RJ), curso a distância, Polo Claretiano do Rio de Janeiro: 651,9 pontos;
  • Universidade presbiteriana Mackenzie, em São Paulo (SP), noturno, campus Consolação: 641,44 pontos;
  • Centro Universitário de Maringá (Unicesumar), em Rondonópolis (MT), curso a distância, campus Rondonópolis: 635,1 pontos;
  • Faculdade São Braz, em Chapecó (SC), curso a distância, Grupo CEI Cursos, Centro de Educação Integrado: 623,02 pontos;
  • Centro Universitário Claretiano (CEUCLAR), em Vitória da Conquista (BA), curso a distância, Polo Claretiano de Vitória da Conquista: 622, 5 pontos;
  • Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (PUC Minas), em Belo Horizonte (MG), matutino, campus Coração Eucarístico: 618,92 pontos;
  • Centro Universitário Internacional (UNINTER), em Campo Mourão (PR), ensino a distância, PAP Campo Mourão: 616,12 pontos.

Sisu

No Sistema de Seleção Unificado, a maior nota de corte para ampla concorrência (não cotistas) foi 605 pontos, na Universidade Estadual de Natal, no curso noturno. Veja as outras:

  • Universidade Estadual de Montes Claros (Unimonte), em Montes Claros (MG), campus de Montes Claros: 592 pontos;
  • Universidade Federal de Sergipe (UFSE), em São Cristóvão (SE), unidade sede: 587 pontos;
  • Universidade Federal da Paraíba, em João Pessoa (PB), unidade sede: 579 pontos.

Todos esses cursos funcionam no turno noturno.

Quer saber, agora, quais as matérias que constam na grade curricular de um curso de Teologia? Continue acompanhando.

Teologia: grade curricular

Vejamos, a seguir, um exemplo de grade curricular do curso de Teologia. Algumas disciplinas podem até variar de uma instituição para outra, mas as matérias básicas estão presentes em todas elas.

1º período

  • Iniciação Bíblica;
  • Introdução à Teologia e ao Método Teológico;
  • Língua Portuguesa;
  • Pastoral da Comunicação;
  • Pentateuco;
  • Teologia Moral Fundamental;
  • Teologia Pastoral Fundamental.

2º período

  • História do Cristianismo Antigo;
  • Língua Grega I;
  • Livros Históricos;
  • Livros Proféticos;
  • Patrologia;
  • Pensamento Lógico-formal e Expressão Oral;
  • Revelação Divina e Fé;
  • Teologia Espiritual.

3º período

  • Antropologia Teológica;
  • Estágio Obrigatório I;
  • História do Cristianismo Medieval;
  • Língua Grega I;
  • Liturgia Fundamental;
  • Livros Sapienciais;
  • Missiologia e Catequética.

4º período

  • Direito Canônico I: Povo de Deus;
  • Ecumenismo e Diálogo Inter-religioso;
  • Evangelho de Marcos;
  • Evangelho de Mateus;
  • Graça e Pneumatologia;
  • História do Cristianismo Moderno;
  • Moral Social e Ecológica;
  • Técnicas de Redação de Documentos oficiais.

5º período

  • Cristologia;
  • Direito Canônico II: Sacramentos;
  • Escritos Lucanos;
  • Gestão Pastoral, Administrativa e Bens Culturais da Igreja;
  • História do Cristianismo Contemporâneo;
  • Homilética.

6º período

  • Eclesiologia;
  • Epístolas Católicas e Hebreus;
  • Escritos paulinos;
  • História do Cristianismo da América Latina, Caribe e Brasil;
  • Moral da Vida e da Pessoa;
  • Sacramento da Iniciação Cristã;
  • Trabalho de Conclusão de Curso I: Projeto de Pesquisa.

7º período

  • Estágio Obrigatório II;
  • Escritos Joaninos;
  • Moral Sexual e Familiar;
  • Sacramentos do Serviço ao Povo de Deus;
  • Tópicos em Teologia;
  • Trabalho de Conclusão de Curso II: Orientação;
  • Trindade.

8º período

  • Apocalipse;
  • Escatologia;
  • Estágio Obrigatório III
  • Mariologia;
  • Sacramentos de Cura;
  • Trabalho de Conclusão de Curso III: Orientação.

Como você pôde perceber pelos componentes curriculares dispostos em cada período, a matriz religiosa é a Católica, com uma disciplina voltada ao diálogo com outras denominações religiosas.

Outras disciplinas costumam aparecer nos cursos. Veja alguns deles, com foco em outras religiões.

Faculdade Batista de Minas Gerais

  • Hermenêutica;
  • Filosofia da Religião;
  • Psicologia da Religião;
  • Conciliação, Mediação e Arbitragem;
  • Ação Social e Missão Integral;
  • Fundamentos de Marketing e Comunicação;
  • Liderança e Gestão de Pessoas;
  • Didática Geral;
  • Teologia e História dos Batistas;
  • Estratégias Missionárias.

Universidade Metodista de São Paulo

  • Criação e Antropologia;
  • Teologia da Reforma;
  • Sociologia da Religião;
  • Ministérios Específicos e Sociedade;
  • Interpretação e Prática no estudo do Novo testamento.

Faculdade de Teologia Umbandista

  • Administração Templária;
  • Medicina Umbandista;
  • Religiões Africanas.

papa francisco teologia

O profissional de Teologia

O que é necessário ter para se tornar um profissional de teologia, além de obter o diploma? Essa pessoa precisa ser noção de cuidado com o próximo, sensibilidade para ouvir e não, necessariamente, como era antigamente, um doutrinador ferrenho da sua própria crença religiosa. Pelo contrário, espera-se que seja aberto ao ecumenismo e ao diálogo.

Perfil do profissional

O bacharel em Teologia é um profissional apto a orientar espiritualmente as pessoas de determinados grupos religiosos, além de ser um profundo conhecedor da fundamentação bíblica (se for de uma teologia cristã) ou de outras denominações, conforme o caso.

Ele pode exercer ministérios eclesiais, servir como presbítero em dioceses e arquidioceses e, ainda, desenvolver pesquisas teológicas com profundidade, se continuar estudando e chegar a um Mestrado ou Doutorado.

Como esse é um curso absolutamente voltado à leitura, é imprescindível que o profissional goste dessa prática e mantenha, por toda a vida, o hábito de ler livros de Teologia e de outras áreas afins.

Mercado de trabalho

Conforme apontamos anteriormente, o profissional de Teologia pode atuar em algumas funções sociais muito importantes. Ele faz uso do conhecimento teológico adquirido para trabalhar em:

  • prática pastoral;
  • assessoria teológica;
  • produção e pesquisa acadêmica.

O teólogo pode atuar como:

  • conselheiro espiritual em asilos, presídios, hospitais, creches etc. Ele programa visitas semanais e dedica seu tempo a escutar e orientar pessoas em estado de vulnerabilidade, proporcionando-lhes conforto espiritual;
  • administrador em instituições religiosas. Nesse caso, ele organiza todo o funcionamento de seminários, conventos, casas de retiros e demais locais de encontro e vivência;
  • consultor espiritual em empresas privadas, que contratam esses profissionais para ajudar a equipe a ter uma rotina mais tranquila e, consequentemente, render mais;
  • professor e pesquisador em universidades. O teólogo leciona em cursos da própria área, tanto na graduação como na pós, e desenvolve pesquisas para entender com profundidade o fenômeno religioso em suas diversas manifestações, tanto em relação à História quanto à sua relação com a sociedade atual e sua atuação no momento presente;
  • capelão nas Forças Armadas e na Polícia Militar. O teólogo desenvolve celebrações ecumênicas e oferece atendimento espiritual aos membros da organização. É preciso prestar concurso público para atuar nessa função;
  • líder religioso em ONGs e movimentos sociais, direcionando e fomentando projetos sociais e melhorando a vida de pessoas que sofrem algum tipo de preconceito ou exclusão social.

Teologia: salário

É difícil medir quanto ganha um teólogo que esteja exercendo o sacerdócio, pois normalmente é a igreja ou denominação religiosa que arca com as suas despesas. Inclusive, existe um voto de pobreza para quem segue a vida ministerial, segundo o qual a pessoa abdica de sua remuneração, herança etc. em prol da vida e da congregação religiosa.

Em outros casos, porém, de consultoria, exercício da docência, aconselhamento etc., os salários variam entre pouco mais de R$ 1000 a R$ 5000, dependendo da função e da jornada semanal de trabalho.

Esperamos que as informações apresentadas neste guia completo sobre Teologia tenham ajudado a refinar seu conhecimento sobre a área e contribuído para a reflexão sobre a possibilidade de investir nessa carreira.

Você viu que, para se tornar um teólogo, é preciso estar envolvido, ainda que de forma mínima, com alguma denominação religiosa, além de prezar pela inter-religiosidade e respeito a todas as crenças, pois esse é um tema caro à sociedade e já foi até cobrado na redação do Enem.

Nossas videoaulas e nosso Plano de Estudos podem ajudar na preparação para o Exame, caso você deseje seguir a carreira de teólogo. Conte conosco!