Teste Vocacional: saiba o que é, como pode te ajudar e mais!

Você esta com dúvidas em qual profissão seguir? Já pensou em realizar um teste vocacional para te ajudar na escolha? Descubra agora como funciona!

Teste Vocacional: saiba o que é, como pode te ajudar e mais!

Se para alguns a escolha de que graduação cursar e principalmente qual profissão seguir é algo simples, para muitos jovens ambas as decisões são um impasse sem fim! Isso porque há quem esteja dividido entre duas ou mais áreas, quem não encontrou uma carreira com a qual se identificasse e, inclusive, aqueles que ainda não têm ideia do que fazer no futuro. Não é à toa que a procura pelo teste vocacional tem crescido nos últimos anos.

Afinal de contas, essa avaliação é capaz de ajudar (e muito) a todos que estão indecisos e estão prestes a passar pelo Enem. Para falar mais a respeito do assunto, preparamos um post com diversas informações sobre ela e o funcionamento dela. Acompanhe!

Garanta seu desconto com a nota do Enem

O que é teste vocacional?

Para iniciar, vamos esclarecer algumas dúvidas frequentes sobre o teste vocacional que giram em torno de quem pode aplicá-lo, se ele é pago ou gratuito e se o resultado é, ou não, considerado definitivo. Vamos a elas!

Quem pode aplicá-lo?

O teste vocacional é uma avaliação psicológica que costuma estar associada a um processo de orientação psicopedagógica. É por essa razão que ele que só pode ser aplicado por um profissional da área de psicologia.

Lembrando, é claro, que não basta apenas ser formado nela, mas também exercer a profissão e ser devidamente registrado no Conselho Federal de Psicologia e no Conselho Regional de Psicologia da região em que ele atua.

Inclusive, a Lei nº 4119/62 estabelece de maneira bastante clara que a aplicação dele, a divulgação do diagnóstico e a orientação para seleção de uma carreira são atividades exclusivas e privativas dessa categoria.

Portanto, esteja atento ao decidir fazer um teste vocacional, pois não é qualquer pessoa que pode aplicá-lo, ok? Além disso, é bom ter cuidado, uma vez que, infelizmente, há pessoas mal-intencionadas que se aproveitam de jovens estudantes indecisos quanto ao futuro profissional e que não estão informados sobre a lei para realizar golpes.

Existe teste vocacional gratuito?

Depende. Isso porque se você for a um consultório de um psicólogo para realizar um teste vocacional completo, ele cobrará conforme a tabela de serviços que adota. Ou seja, a avaliação será paga. Porém, muitas escolas contam com esse profissional no quadro de funcionários visando não só prestar acompanhamento psicopedagógico personalizado aos alunos, mas também aplicar essa e outras avaliações. Tudo isso, sem custo adicional.

Logo, nesse caso específico, você terá a oportunidade de realizar o teste de maneira gratuita. Portanto, se você ainda não terminou o ensino médio, vale a pena se informar a respeito na secretaria ou coordenação do colégio e já deixar agendado o seu horário!

Além dessas opções, você pode ainda optar por fazer um teste vocacional online grátis que alguns sites sérios oferecem hoje em dia na internet.

O resultado é definitivo?

Outra dúvida bastante comum quando se trata de teste vocacional é se o resultado dele é definitivo. Isto é, ele supostamente indicaria uma só profissão que a pessoa pode seguir, pois essa é a única carreira que se encaixa no perfil dela.

Se você também se questiona a respeito disso, pode ficar tranquilo que essa avaliação não funciona assim! Ao contrário, o teste considera diferentes critérios para indicar possíveis áreas nas quais o indivíduo tem uma maior probabilidade de se sentir realizado tanto pessoal quanto profissionalmente.

A partir daí, cabe a você analisar com calma as sugestões e a sua compatibilidade com elas, pesquisar a fundo cada ramo e o mercado de trabalho e chegar a uma conclusão se, de fato, alguma delas lhe desperta o interesse. Resumindo: o teste vocacional mostra os caminhos, mas quem escolhe qual deles será seguido é você.

Por que fazer teste vocacional?

Fazer um teste vocacional é bastante útil para quem não está seguro sobre qual curso fazer ou qual carreira seguir após se formar. Isso porque você tem a chance de deixar a ansiedade, a pressão social, as cobranças de familiares e as influências de amigos e conhecidos de lado e olhar para o seu eu interior.

É o momento de se autoconhecer e descobrir que coisas o motivam, despertam o seu interesse e vão ao encontro dos seus objetivos de vida. Ah! E o melhor de tudo isso é que esse processo você faz acompanhado de um psicólogo que estará ao seu lado para prestar todo o suporte necessário e garantir que essa decisão seja feita de forma consciente.

menina

Como funciona o teste vocacional?

Embora o teste vocacional tenha um formato a ser seguido, o tipo de prova que será aplicado durante ele dependerá, na verdade, do método de trabalho adotado pelo psicólogo.

Tanto é que, geralmente, esse profissional realiza uma entrevista inicial com você para entender quais são as dúvidas e os receios que estão dificultando a sua escolha de um curso superior. A partir daí, ele pode utilizar questionários, inventários, jogos, dinâmicas, exames e afins para traçar sua personalidade, seu perfil comportamental, suas características e os seus interesses pessoais.

Feito isso, ele monta um relatório com um resultado para lhe apresentar e também prestar a devida orientação sobre quais carreiras combinam melhor com você. As sugestões costumam ser bem próximas (como publicitário, jornalista e designer ou dentista, médico e nutricionista), pois seguem um padrão de afinidade com os seus traços psicológicos.

Teste vocacional vs Teste de aptidão

“Eu já entendi o que é o teste vocacional. Porém, qual a diferença dele para o teste de aptidão que encontro, por exemplo, em diversos sites da internet?”, você deve estar se perguntando. Bem, a diferença é simples: enquanto o primeiro é uma avaliação mais completa, aplicado por um profissional e que segue padrões estabelecidos pelo Conselho Federal de Psicologia, o segundo é um teste simples, rápido e sem grandes pretensões.

É justamente por isso que ele usa informações do senso-comum para medir a sua compatibilidade com o perfil de quem se forma e/ou atua em determinada área. Por exemplo: “o engenheiro é bom com números, gosta de assuntos tecnológicos e tem facilidade com problemas abstratos. Se você tem essas características, pode se dar nessa carreira”.

Como você leu, realizar um teste vocacional pode ser exatamente o que você precisa para colocar ordem nas suas ideias e enxergar com mais clareza qual profissão se encaixa com os seus sonhos, objetivos e necessidades. Contudo, não se esqueça: para a correta aplicação dele e a exata compreensão do diagnóstico, é indispensável contar com um psicólogo!

Curtiu o tema do post? Conheça o aplicativo da Orientu, um teste vocacional para te ajudar na decisão de sua carreira!  Após definir qual graduação você quer cursar, faça o seu cronograma de estudos  do Stoodi e se aprofunde em todas as matérias e treine as suas habilidades de argumentação na redação para ingressar na faculdade desejada!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *