10 técnicas para memorizar o conteúdo que você estuda

Decoreba? Não mais. Confira as dicas e exercite sua memória

10 técnicas para memorizar o conteúdo que você estuda

Decoreba? Não mais. Confira as dicas e exercite sua memória

 

Somos acostumados a aprender por meio de repetição, mas acontece que no caso dos vestibulares é tanto conteúdo que não dá para decorar tudo durante um ano de estudos. Pensando nisso, pesquisamos uma série de práticas para estimular a memória e descobrimos alguns truques. Confira as 10 dicas:

Garanta seu desconto com a nota do Enem

Seja extremamente curioso

Sabe aquela pessoa que irrita de tanto que questiona? Seja essa pessoa. A cada matéria estudada, tente formular o máximo de perguntas possíveis e vá em busca de suas respostas. Essa será uma forma de entender o contexto, fato e desdobramento do ocorrido. Além de reunir informações de forma mais leve, esse método te dará uma visão ampla sobre o assunto, podendo fazer conexões com outras matérias.

 


 

Ensine outra pessoa

Sempre tem alguém que gostaria de uma explicação. Ensinar outra pessoa é muito importante, pois sempre existirão dúvidas diferentes das suas – e essas perguntas podem ser muito úteis para você. Às vezes, focamos tanto em algum aspecto, que esquecemos de destacar outros pontos da matéria. Portanto, ensine sempre.

 

Monte siglas e acrônimos

Essa é a hora de simplificar – principalmente se você tem o hábito de escrever enquanto estuda. As siglas e os acrônimos (palavra formada através da junção de letras ou sílabas iniciais de um grupo de palavras) podem ser uma alternativa bem-humorada para você se lembrar de assuntos específicos.

Por exemplo:

Quem são os países em crise na Europa? Os PIIGS (Portugal, Itália, Irlanda, Grécia e Espanha – escritas em inglês). Esse é um acrônimo. Já UE é uma sigla que faz menção à União Europeia.

 

Divirta-se com paródias, rimas e frases engraçadas

É isso mesmo: divirta-se. O estudo para ser eficiente não precisa ser sério e monótono. Procure por paródias, rimas e frases engraçadas, pois esses recursos são mais fáceis de memorizar. Cuidado para não perder a concentração e dê continuidade ao conteúdo.
 

 

Assista a filmes sobre a matéria

Outra dica interessante é procurar por filmes que abordem a matéria que você está estudando. O fato de ser um material audiovisual pode ajudar na memorização. Além disso, sempre haverá o fato de se lembrar de um protagonista, um ator conhecido ou algo do tipo.  Não fique em dúvida e procure fontes alternativas de informação.

Confira uma lista com 20 filmes sobre assuntos que podem cair no vestibular

 

Decore e enfeite o seu local de estudo

Essa dica vale principalmente para a galera que foca em exatas. Cole cartazes coloridos, fichas didáticas com resumos e muitas fórmulas pelo seu quarto. Além de deixar um ambiente mais gostoso (com suas particularidades), esse material vai ajudar na memorização de cada matéria.
 

 


Foto: reprodução Blog Coisa de Gente Grande

 

Em caso de sono, estudo em pé

Descansar é imprescindível para um bom estudo, mas nem sempre conseguimos dormir o quanto queremos. No caso de o sono bater, levante-se e comece a estudar. Outra coisa muito eficiente é estudar em voz alta, se for possível.

Por fim, as três últimas dicas devem ser pensadas de acordo com sua forma de aprendizado. Existem pessoas visuais, auditivas e cinestésicas:

Leia no mínimo 3 vezes o conteúdo

Muitos estudantes acreditam que na primeira leitura o conteúdo já será fixado – Só que não. Ela serve para introduzir o assunto. Ao fazer a segunda leitura, o aluno deve refletir sobre o assunto, tentando fazer associações. Esse também é o momento de grifar as partes relevantes do texto. Já na terceira e última passada pelas informações, as conclusões sobre o assunto começam a aparecer.
 

Foto: reprodução Cultura Mix
Foto: reprodução Cultura Mix

 

Grave aulas

Para as pessoas que assimilam o aprendizado de forma auditiva, gravar aulas podem ser uma boa. No caso de quem assiste as aulas gravadas do Stoodi, copie a lousa da aula e depois dê play no vídeo, com o olhar fixo no caderno – isso pode ajudar.

 

Faça resumos e fichamentos

Concluindo a nossa série de dicas, produza conteúdo. Mas não qualquer conteúdo, existe um macete. Assista às aulas, faça tudo que tem direito e depois, num momento isolado e em silêncio, tente passar para o papel tudo o que você aprendeu. Sem consultas, heim – não vale roubar. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *