O que fazer com a nota do ENEM 2023

O que fazer com a nota do ENEM 2023

São muitas as possibilidades que surgem com o que fazer com a nota do ENEM. Caso tirar uma boa nota de corte, em resumo, você consegue:

  1. Estudar em uma universidade Federal, com o Sisu;
  2. Ganhar uma bolsa parcial ou integral para uma instituição de ensino privada, com o ProUni;
  3. Financiar seus estudos em uma universidade privada, com o FIES;
  4. Entrar de forma direta em universidades que usam a nota do ENEM como critério de seleção, como o exemplo da USP;
  5. Estudar fora do país (que sonho, não é mesmo?).

O Exame Nacional do Ensino Médio é de longe a prova mais esperada de todo o ano. Reúne milhares de alunos todos os anos que desejam conseguir uma bolsa de 100%, parcial ou então financiar seus estudos em uma universidade privada.

O que fazer com a nota do ENEM 2023?

Como mencionado acima, existem pelo menos 3 opções diretas de bolsa que você pode conseguir com a sua nota do ENEM: total, parcial ou possibilidade de financiamento estudantil. Abaixo explicamos cada uma dessas oportunidades em detalhes. Veja:

Estude nas federais com o Sisu

A nota do ENEM é a principal porta de entrada para as universidades e institutos federais brasileiros. Não existe outro meio de entrada nestas instituições de ensino senão pelo ENEM, através das notas de corte geradas pelo Sisu.

Sisu significa “Sistema de Seleção Unificada”, sendo um sistema na web ativo desde 2010 como método de ingresso nas universidades federais brasileiras. O sistema é usado sempre através do seu site oficial, geralmente no mês de Fevereiro.

Lá, você pode se inscrever para uma faculdade de maior desejo e uma segunda escolha. Depois disso, com sua nota do ENEM já gerada, entra em uma fila chamada de “nota de corte”. Caso a sua nota esteja igual ou acima dessa média, você será aprovado e estudará de graça na federal.

Vale ressaltar que as notas de corte podem ser alteradas da data de abertura até a data de finalização do Sisu, então, você só será realmente aprovado em uma federal quando o prazo de inscrição terminar e sua nota estiver dentro da média de corte.

Consiga uma bolsa de 100% ou 50% com o ProUni

Caso more muito longe de uma universidade federal (o que é comum para muitos brasileiros) ou simplesmente tenha o sonho de se formar em uma universidade privada específica, saiba que pode ganhar uma bolsa de até 100%.

O que fazer com a nota do ENEM? Usá-la no ProUni, o “Programa Universidade para Todos”. Trata-se de mais um programa social do Governo Federal, no qual, como já mencionado, os alunos têm a chance de ganhar uma bolsa de 50% ou 100%.

A inscrição também é feita no início do ano, e o sistema de nota de corte é igual ao do Sisu: caso esteja acima da nota de corte no final do processo seletivo, então ganhará a sua bolsa e poderá estudar na instituição de ensino privada escolhida.

O mesmo também vale para as opções de curso: você tem uma principal e uma segunda, caso não passe na primeira.

Critério de porcentagem da bolsa

Como dito acima, a sua bolsa pode ser de 50% ou 100%. Há vários critérios levados em conta na hora da definição desse percentual, mas o principal está na renda familiar do novo aluno. Pessoas com renda maior costumam ganhar 50%, enquanto as rendas familiares mais baixas ganham 100%.

Outro critério também está na distribuição das bolsas pela própria universidade em questão, que possui um número específico que pode ofertar, com base na sua parceria com o Governo Federal.

No caso das bolsas de 50%, o aluno fica responsável pelo pagamento mensal dos 50% restantes. Veja um exemplo de pagamento da bolsa parcial:

  • O aluno ganha uma bolsa ProUni de 50%;
  • Sua mensalidade inicial é de R$875,00 para o curso de Administração e Comércio Exterior;
  • Neste caso, nesse semestre, o Governo Federal pagará R$437,50 mensais, referente a 50% da mensalidade, enquanto o aluno pagará os R$437,50 restantes;
  • Os valores tendem a subir para ambas as partes com o avanço dos semestres e fases da faculdade escolhida.

O que fazer com a nota do ENEM 2023? Financiar os estudos em uma universidade privada com o FIES!

Além do ProUni, existe mais uma forma de ingressar em universidades privadas com a nota do ENEM: o FIES. Nem sempre é a primeira escolha dos alunos, afinal, é uma “bolsa” que será paga no futuro.

FIES é o acrônimo para “Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior”, mais um programa do Governo Federal. Antigamente, o programa era oferecido pelo Banco do Brasil e pela Caixa Econômica Federal, mas hoje os contratos de financiamento ocorrem somente pelo último citado.

A porcentagem de financiamento também pode variar bastante, agora em números quebrados (50%, 91,8%, 65%, 100%, etc.).

Existem vários modelos de financiamento disponíveis, desde aqueles com menor taxa de juros e pagamento imediato após a conclusão do curso, até os que possuem um período de 18 meses de carência após a conclusão do curso.

nota-do-enem

Quanto à mensalidade, a lógica é a mesma citada acima no ProUni: em porcentagens quebradas, como por exemplo, 65% de financiamento, os 35% restantes são arcados pelos alunos mensalmente. O valor final financiado poderá ser pago em até 156 meses (13 anos).

Algumas universidades que não possuem vestibular, ou até mesmo possuem, mas querem dar maiores oportunidades aos novos alunos, usam a nota do ENEM como forma de ingresso.

Um grande exemplo disso é a USP, a Universidade de São Paulo. Além da prova da Fuvest, vestibular oficial da instituição de ensino gratuita, até 2022, a nota de corte do Sisu era utilizada como forma de ingresso.

A partir deste ano, porém, somente a nota do ENEM será suficiente para ingressar na instituição, sem a necessidade de inscrição no Sisu. O mesmo vale para diversas universidades privadas ao redor do país, que também utilizam a nota como método de ingresso.

Estude fora do país

O que fazer com a nota do ENEM 2023? Já pensou em estudar fora do Brasil? Várias universidades renomadas de todos os continentes aceitam a nota do Exame Nacional do Ensino Médio como método de ingresso em seus cursos.

É claro, uma série de outros documentos podem ser solicitados, como histórico escolar ou então certificados de proficiência em línguas estrangeiras específicas. Ainda sim, é uma ótima forma de expandir ainda mais a sua carreira estudantil e profissional!

O que fazer com a nota do ENEM, afinal?

Existem várias possibilidades para utilizar a nota do enem para seguir com seus estudos e conquistar a graduação desejada, para adquirir formação na carreira profissional da sua escolha. Ou até expandir seus conhecimentos, e conseguir aquela guinada profissional, em outra área ou alcançando maiores degraus no ramo em que já atua.

O mais importante para conseguir realmente aproveitar as oportunidades, é se organizar. Estar bem informado sobre os critérios, prazos e procedimentos necessários para aplicar a sua nota do ENEM no que escolheu, é primordial para ter melhor aproveitamento do seu resultado ENEM, e seguir com suas conquistas da melhor forma!

Prepare-se para o ENEM com o Stoodi: faça o melhor cursinho pré-vestibular do país!

O Stoodi tem um compromisso com você, aluno que está estudando para o ENEM e precisa de um curso online e de ótima qualidade. Aqui, você pode usufruir de um curso totalmente online, com os professores mais qualificados do mercado e outras vantagens.

Além das videoaulas, você conta com material didático disponível em uma plataforma incrível, auxílio com seu cronograma de estudos, e simulados que testam o avanço de seu desempenho com base no conteúdo estudado.

Muito além de ser um ótimo produto para um valor baixo de mercado, você ainda pode usufruir de nossos materiais preparatórios por 15 dias sem pagar nada. São duas semanas de curso gratuito para você testar a plataforma e aumentar seu arsenal de conhecimento.

Você já sabe das opções sobre o que fazer com a nota do Enem, mesmo assim o Stoodi está aqui para te ajudar na conquista de uma nota maior, caso seja a sua escolha. Faça o seu cadastro e comece a estudar para a prova do ENEM o quanto antes, assim, estará mais preparado no grande dia.